1ª Conferência Golfe Adaptado em Portugal – desafios e barreiras

Standard

A 16 de Março, no Auditório do Comité Olímpico de Portugal, em Lisboa, realizou-se a 1ª Conferência sobre Golfe Adaptado. Com a presença do Comité Paralímpico de Portugal, e da Associação de Profissionais de Golfe de Portugal (PGA Portugal), este encontro contou com a presença do actual campeão da Europa de Golfe adaptado, o espanhol Sebas Lorente.
Sebas Lorente é um exemplo de força e determinação que triunfou no Golfe adaptado tornando-se hoje num dos melhores profissionais da sua modalidade. Convidado de honra desta conferência, Sebas Lorente expôs os principais desafios que o golfe adaptado enfrenta, bem como a importância dos apoios institucionais e privados no desenvolvimento desta vertente da modalidade.
O evento contou ainda com os oradores Humberto Santos, Presidente do Comité Paralímpico de Portugal; Pedro Vicente, Presidente da Comissão de Golfe Adaptado da Federação Portuguesa de Golfe; e Carlos Guerreiro, Primeiro Treinador de Golde Adaptado Português (LisboaPhysio), que abordaram as diferentes metas a atingir no Golfe adaptado enquanto desporto de futuro em Portugal.
Na ocasião, e como acto simbólico, foi entregue, pelo Presidente do Comité Paralímpico, Humberto Santos, a primeira licença de praticante federado de Golfe adaptado ao desportista António Machado. Trata-se de um momento histórico na prática deste desporto em Portugal sendo que o principal objectivo não passa apenas por divulgar a importância do Golfe adaptado, como também sensibilizar para o tema que pela primeira vez foi debatido em conferência em solo nacional.
Segundo o Presidente da Comissão de Golfe Adaptado da FPG, Pedro Vicente, – “O Golfe nacional está a dar os primeiros passos no sentido de se organizar na área da deficiência em geral. As primeiras experiências bem sucedidas, no caso do Special Olympics, permitem-nos acreditar vir a alcançar um estádio de desenvolvimento que há muito desejamos. A atribuição da primeira licença de praticante de Golfe adaptado pela Federação Portuguesa de Golfe constitui para nós um marco importantíssimo.”
“Face ao empenho da Federação Portuguesa de Golfe estamos perante mais um passo a caminho da inclusão. Bem-haja a todos os que se têm empenhado na construção de um novo paradigma desportivo, com profundo fundamento humanista”, referiu o Presidente do Comité Paralímpico de Portugal, Humberto Santos.

1ª Conferência sobre Golfe Adaptado
16 de Março de 2012 – 11h00
Auditório do Comité Olímpico de Portugal – Travessa da Memória, 36 – 1300-403 Lisboa
Convidado de honra: Sebas Lorente – Campeão Internacional de Golfe Adaptado 2010
Programa:
11h – Boas-Vindas
Pedro Vicente – Presidente da Comissão de Golfe Adaptado da FPG
11h05
Mário Jorge Silva – PGA de Portugal
11h15
Carlos Guerreiro – Golfe Adaptado em Portugal
11h30
Humberto Santos – Presidente do Comité Paralímpico de Portugal
Cerimónia de entrega da primeira licença de golfe adaptado em Portugal
11h45
Sebas Lorente – Campeão Europeu de Golfe Adaptado

Reportagem III Encontro de Desporto Adaptado – Mundo Golfe – RTPN

Standard

No âmbito das comemorações do Dia Internacional da Pessoa Portadora de Deficiência, a Câmara Municipal de Cascais em conjunto com Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência e Santa Casa da Misericórdia de Lisboa – Centro de Medicina e Reabilitação de Alcoitão, entre outras entidades parceiras, organizou o III ENCONTRO DE DESPORTO ADAPTADO de 27 de Novembro a 5 de Dezembro.

O programa deste Encontro incluiu um Seminário sobre Desporto Adaptado que se realizou no dia 2 de Dezembro no Centro de Medicina de Reabilitação de Alcoitão e ainda um Programa Desportivo de 27 de Novembro a 5 de Dezembro em vários locais do Concelho, onde foi possível assistir e experimentar diversas modalidades associadas a esta temática.

A Lisboa Physio também esteve presente com uma apresentação sobre Golfe Adaptado da autoria do nosso Professor de Golfe / Fisioterapeuta Carlos Guerreiro.